Sábado, 29 de Janeiro de 2022
Região de Carajás Polícia

Ourilândia: monstro mata próprio pai e morre em confronto com a PM

Pedro Amadeu, de 35 anos, matou o pai com uma espingarda, fugiu e acabou morrendo em confronto com a PM

13/01/2022 às 09h56
Por: Gazeta Carajás
Compartilhe:
Ourilândia: monstro mata próprio pai e morre em confronto com a PM

O que seria apenas um suposto desentendimento entre pai e filho teve um desfecho trágico: o filho matou o próprio pai e, na tentativa de fuga, acabou morrendo em confronto com a Polícia Militar. Pedro Amadeu Souza e Silva, de 35 anos, tirou a vida do seu pai, Amadeu Oliveira da Silva, de 59 anos. O episódio trágico ocorreu na terça-feira, 11, numa área rural entre os distritos de Campinho e Fogão Queimado, em Ourilândia do Norte, região sul do Estado.

Após o crime, Pedro Amadeu fugiu da região. Segundo testemunhas relataram à Polícia Militar, antes da fuga ele ainda teria dito que voltaria para matar a mãe e os irmãos. As motivações que desencadearam tamanha ira no lavrador, a ponto de ele matar o próprio pai e ameaçar outros familiares, não foram esclarecidas até o fechamento dessa matéria.

O fugitivo foi localizado, na noite de terça-feira, na vicinal Tupanci, município de Bannach, também no sul Estado. Conforme a Polícia Militar, ele resistiu à abordagem atirando contra os policiais com uma espingarda, supostamente a mesma arma que utilizou para matar seu genitor. Os policiais revidaram e o malfeitor, que também estava armado com uma faca, foi baleado. Ele foi socorrido e levado para o Hospital Municipal de Bannach, porém, acabou morrendo após ser internado na unidade de saúde.

O trabalhador rural Amadeu, o pai, foi atingido com três facadas e um tiro de espingarda, segundo testemunhas. A Polícia Civil informou que será realizado exame cadavérico para confirmar a causa da morte e esclarecer que tipo de arma foi usada pelo assassino. A PC também informou que instaurou inquérito para investigar as motivações do crime, que chocou os familiares e os moradores de Ourilândia do Norte e região. 

(Reportagem: Correio de Carajás)

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias