Sábado, 26 de Novembro de 2022
Canaã dos Carajás De olho no futuro!

Pioneira em modelo de Cidade Inteligente, Canaã discute planejamento do projeto para 2023

Iniciativa visa transformar Canaã dos Carajás na primeira cidade a implantar o modelo de cidade inteligente no projeto da rede IARA, por meio do uso de inovações tecnológicas e inteligência artificial

09/11/2022 às 16h33
Por: Redação
Compartilhe:
Pioneira em modelo de Cidade Inteligente, Canaã discute planejamento do projeto para 2023

A Prefeitura de Canaã dos Carajás e a Universidade Federal do Pará (UFPA) iniciaram o debate para as ações do projeto Smart City em 2023. A iniciativa visa transformar Canaã dos Carajás na primeira cidade a implantar o modelo de cidade inteligente no projeto da rede IARA, por meio do uso de inovações tecnológicas e inteligência artificial.

Nessa quarta-feira (9), o coordenador do projeto na UFPA, professor doutor Renato Frances, esteve presente em reunião na prefeitura para apresentar os avanços do Smart City e as ações propostas para o próximo ano. O encontro contou com a presença da prefeita Josemira Gadelha e do secretário de governo, Roberto Andrade, além do diretor de Ciência e Tecnologia, Jorge Tomasi, o assessor de comunicação Jefferson Almeida, e o engenheiro Eugênio Gadelha.

Entre as ações previstas para 2023 estão a implantação de um projeto piloto de cobertura 5G em circuito fechado, que colocaria Canaã como uma das primeiras cidades do Brasil a contar com a tecnologia, a construção de um berçário de start-ups, e a transformação do Parque Veredas em um laboratório de tecnologia inteligente.

Outras tecnologias, que já estão em funcionamento em fase de testes também vão avançar em seu uso, como o aplicativo Conecta Canaã, o relógio inteligente de monitoramento de saúde e o reconhecimento facial de alunos do transporte escolar.

Canaã ainda vai receber um carro tecnológico, do modelo Jeep Compass, fornecido pela Stellantis, equipado com sensores dedicados a mapear e reportar situações recorrentes em ambientes urbanos, como acúmulo de lixo nas vias de circulação, condições estruturais das vias e rodovias, identificando, por exemplo, animais de médio e grande porte em vias públicas.

A prefeita de Canaã, Josemira Gadelha, destacou que o objetivo principal do projeto é compartilhar conhecimento com os estudantes e a comunidade local, “além de atrair empresas, gerar emprego e renda para os nossos jovens”, disse.

Sobre o Smart City

O projeto Smart City Canaã dos Carajás começou em 2020, através de convênio entre a Prefeitura e a Universidade Federal do Pará, e se uniu ao Centro IARA, com a participação de pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP).

As iniciativas desenvolvidas pelo IARA na cidade serão voltadas para aplicação de tecnologias dedicadas aos ambientes urbanos, utilizando IoT (Internet das Coisas) e Inteligência Artificial aplicada a veículos conectados e integrados.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.